terça-feira, 16 de setembro de 2014

E assim, como num piscar de olhos, eu me apaixonei por ele. Me apaixonei pelo sorriso tímido que ele diz detestar, me apaixonei pelos olhos que tanto me observam minuciosamente. Me apaixonei pela fala mansa, pelo riso constante, pelo perfume. Mas me apaixonei principalmente pelo coração. Me apaixonei quando ele me falou que o amor é a cura de tudo. Me apaixonei pela sinceridade, me apaixonei pelo carisma, me apaixonei pelo lado bobo. E com certeza me apaixonei pelo que ele fez comigo. Me apaixonei pelas cores que ele trouxe pra minha vida. Me apaixonei pelo sorriso que sem saber ele coloca nos meus lábios todos os dias. Me apaixonei pelo brilho que ele fez os meus olhos ganharem. Me apaixonei pela forma como ele me fez sentir viva. Me apaixonei pela conversa jogada fora numa tarde qualquer. Me apaixonei por ver que me encaixo no abraço dele. Me apaixonei pelo toque sutil e tímido das mãos dele na minha cintura. Me apaixonei até mesmo pelos defeitos. Me apaixonei pelas pupilas aumentando, tanto que quero vê-las todos os dias, todas as horas e minutos. Me apaixonei sem querer, sem planejar, sem me dar conta. Só me apaixonei… Assim como alguém pega no sono.







Gosto de você

Nenhum comentário:

Postar um comentário