domingo, 16 de março de 2014

Desamor: Lembranças.

Revendo algumas fotos antigas senti meu coração se rasgar em pedaços ao ver todos aqueles sentimentos fotografados em olhares dele em minha direção. Na maioria delas ele está com aqueles olhos castanhos claros sobre mim, me olhando com carinho, amor, orgulho e admiração. E em todas estou nos braços dele, rendida, apaixonada. Os meios sorrisos e os beijos dizem 'eu te amo' silenciosamente.
Nós eramos assim... Perdidamente apaixonados um pelo o outro e não há no mundo quem possa negar isso. Eramos calmaria e conturbação, fogo e água... Eramos amor, puro e verdadeiro.
Me sinto triste ao ver que tudo isso teve um fim...
 É estranho entende? Ter alguém que você tem certeza de que ama você e perde-lo por tão pouco.
Confesso que ainda queria aquele olhar vindo de encontro ao meu, os abraços, os toques... Queria continuar sendo fogo e água com ele, porque eramos perfeitos nisso, parecia até que nascemos para viver juntos... Nos completávamos.
É... É estranho pensar que tudo isso são apenas lembranças que ficará em sua mente para sempre... Pois por mim, eu reviveria todas elas, de novo, de novo, de novo, de novo... 


- Karyne Santiago.


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário